21 setembro 2006

Enquanto isso...........

Podemos conversar sobre gênese poética, o que acham?

para ilustrar, ou melhor, para explicar seu significado por meio da própria poesia, vou postar abaixo, um poema que fala sobre gênese poética, achei interessante:

GÊNESE POÉTICA
de Ana Guimarães


Com a inflexão dessa voz ouvida
testemunho a articulação
entre ficção e vida

Sem domínio sobre o processo
- inconsciente -
sem mais preocupações estéticas
(fora as compulsórias, imanentes)
como estrelas cadentes
ecos vindos não sei de onde se impõe
me assombram
e me determinam

A travessia foi longa e tortuosa
de tudo um muito passou pelos meus olhos
sobre tudo também me interroguei
confiante, desconfiada, deixei que trabalhasse
se decantou, se acrescentou, criou, não sei

Terá só valor de sintoma?
Viagem da alma?
Auto-expressão?
Que escritura é essa
que vem do Outro
para ser relida
e dar significação?
E por que só agora o lírico, o poético como opção?

Outro exemplo, esse, bem diferente do primeiro:

Gênese poética

de Francisco Gilberto Oliveira


Antes eu pensei..
Fazer poesia!
É coisa para intelectual
Quando surgiu a oportunidade,
Parei, e daí veio a indagação:
Por que eu? Justo eu?
Se eu não sei me expressar...
Logo veio a carência por tal coisa
Que me levou a refletir e enfrentar,
Porque só assim eu conseguiria
Encarar que eu sou de verdade...
Assim é a poesia cheia de dúvidas!
Assim também como a amizade,
Que tem como dádiva algo lindo,
Assim é a poesia algo belo e majestoso.


Podemos verificar com esses dois exemplos, um intelectualizado, cerebral, existencial; o outro, simples e humilde, a elaboração do pensamento sobre o que é a gênese poética! Ambos, por meio da própria poesia, definem o nascimento da mesma.

O que acham?





4 comentários:

Iara disse...

Olá!!!! Estou achando promissor este blog... vou me acostumar a entrar e bisbilhotar de vez em quando... rsrsrsrs.. Obrigada pelo convite, adorei mesmo. Ah! O que é gênese poética? desculpe minha ignorância no assunto mas curiosidade é uma qualidade.

Liv´s From Lórien disse...

Oi Iara, Td bem?
To meio sem tempo, para escrever mais, mas, legal vc estar participando.
Então, gênese poética é o nascimento da idéia poética, o insight criativo, o processo criativo básico que dá origem à obra poética em si. É a idéia original, depois, da gênese, vem a gestação do poema. rsrsrsrs....
beijos!

Danieli Hautequest disse...

Até que enfim to conseguindo acessar isso aqui =P

Aff... Ultimamente, a minha gênese poética anda meio ruim das pernas. Estresse u.u

Ow, legal mesmo seu espaço! Gostei muito das suas poesias. Fico feliz de ver que voltou a escrever. Isso é ótimo! Tanto para quem lê, quanto para você, que pode colocar um monte de coisas pra fora, e também usar seu tempo livre fazendo algo construtivo, em vez de pensar besteira =P

u.u sim, momento mana preocupada e rabugenta. Mas eu sei que você me ama assim mesmo XD

Cuide-se! E mande um beijo para os seus pais =)

Bjs!!!

Anônimo disse...

ler todo o blog, muito bom