22 julho 2008

Sem Rótulos

Em alguns momentos, adormecer é como entrar numa espiral de palavras, num redemoinho de idéias, aonde muitas vozes falam ao mesmo tempo, ditando o que escrever.
Será isso a autopsicografia?




Jun/2008

Um comentário:

Camila disse...

Adorei a postagem, não sei se fiz a interpretação certa, mas fiz a literal, quando estou naqueles momentos prestes a dormir e acordo por algum motivo meio assustada e ainda em estágio de sono, tenho essa exata impressão, o pensamento perde a linearidade, e várias vozes gritam juntas idéias que não parecem pertencer a mim, pelo menos não no meu estado acordado e consciente. Será que o Pessoa inventava os heterônimos nesses primeiros minutos de recém acordado?